Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Abril, 2010

Dorminhoco

Correria, atrasado já estou  Sono pesado nunca escuto, o despertador
Saio apressado num ritmo a passos largos, freneticamente, Acordo, movido a buzinas dos carros,
O coração acelerado, o ônibus já está lotado. Celular vibra, tenho que descer ou devo atender,
Olho é a chefia que me liga outra vez, As desculpas nesse momento não me vêem, Com fone no ouvido estou curtindo, assobio Cantando, preocupado nem sei, Devo pensar, a piada nova A história que possa me justificar
O atraso da cama que insiste em não me largar

Entenda Estou Com Você

To sentindo tanto frio, mas na é inverno, Estou coberto com lençol, mas não me aqueço,  As lembranças vêem, mas não basta para me fazer sorrir, A saudade é tanta Não imagina, como é sem você,
Volta, Preencha, Esta vazio que ficou em min
Não se acaba, uma historia, Sem ter um fim
Não me arrependo, Por que se entregue antes sem lutar
Fácil é melhor que persistir para você
O difícil é entender, por que fugir.

Oxigênio

Sopro Força em movimento Vento Escuto seu som  puro, nítido Em minha porta ouso Soar Livre vou dos pássaros
Nas nuvens  Mistura Contra a vontade, se revolta Natureza Por que o homem a modifica Adapta Com dificuldade Ar Temos que respeitar A vida